3.27.2011



Ando a tentar evitar escrever sobre ti, pois ainda não tenho certezas de que vais ficar e não me vais magoar, mas pareces-me sincero espero não me enganar. A verdade é que foste, sem qualquer dúvida, o melhor que me aconteceu nestes últimos meses. Apareceste e sem eu dar conta entraste na minha vida, agora não quero que saias dela! Estas sensações que provocas em mim, não sei, mas é tão bom. Já não me lembrava de sentir isto. As borboletas na barriga voltaram.
Fico ansiosa; só penso na hora de puder estar contigo. Quero abraçar-te, ver-te, sentir-te comigo e dizer que te adoro. Posso afirmar que mudaste muita coisa e que não te quero perder.



3 comentários:

  1. Espero que então essa pessoa seja, de facto, uma grande presença na tua vida. :)

    ResponderEliminar